Blog

Já ouviu falar na banda Kaleo ??

05 Jan, 2018

A banda islandesa Kaleo esquentou as terras geladas de seu país de origem e se espalhou para o mundo. Após sucesso em sua terra natal, os caras assinaram com a gravadora Atlantic Records, se mudaram para Austin e estão gravando o próximo disco com o produtor Mike Crossey, do Arctic Monkeys.

Quem: Kaleo, banda de indie pop/rock com influências de folk, country e blues que esquentou as terras geladas de seu país e agora se espalha pelo mundo

De onde vem: Mosfellsbaer, Islandia, país de origem de grandes nomes como Björk e Sigur Rós.

Quem vai gostar: Curtidores de bandas como a londrina Mumford Sons e a Fleet Foxes, de Seattle.

O que já fizeram: Considerados como uma banda de indie pop e rock com influências do folk, tiveram sua primeira aparição pública no Icelandic Airwaves Music Festival, um dos principais festivais da Reykjavik, capital islandesa, em novembro de 2012.

O início da fama surgiu com a música “Vor í Vaglaskógi”, que significa ‘primavera em Vaglaskógur”, região no norte do país do gelo. A música virou Top 10 das rádios islandesas após ter sido introduzida no set da RÚV, a organização pública de rádio e TV do país.

Em 2014, a banda lançou o clipe para o single “All The Pretty Girls”, que já conta com mais de 3 milhões de streamings no Spotify. Apesar de o grupo ter lançado apenas um álbum, homônimo, em 2013, mesmo ano em que lançou o EP Glasshouse, ainda assim, esses trabalhos nos deixam esperançosos do que pode vir no futuro.

kaleo

Por que ouvir: A banda foi considerada uma das 40 bandas a serem ouvidas (40 Bands You Need To Hear) pela Esquire e também chegou ao Top 20 dos catálogos da Triple A Radio. Recentemente assinaram com a Atlantic Records e decidiram se mudar para Austin, no Texas. Agora, estão gravando com o produtor Mike Crossey, do Arctic Monkeys, em Londres.

Por onde começar: Pelo início, com “Vor í Vaglaskógi”. Depois, passe para o famoso single “All The Pretty Girls” e, em seguida, para “Way Down We Go”. Pule para “Broken Bones”, que tem um som mais dançante e, em seguida, para “Rock ‘n’ Roller”, que conta com clara influência de rock’n’roll clássico. Depois, é só escolher as outras faixas e descobrir ainda mais sobre o som dos caras.

Fonte: www.palcoalternativo.com.br

0 Comentários

Adicione um comentário

Anunciantes